Dior Cruise 2023: fique por dentro das curiosidades do desfile em Sevilha

Inspirado nas festas espanholas, o show da Dior Cruise 2023 aconteceu na última manhã de sexta-feira (dia 17).

Unidos à multidão que lotou Sevilha… Os convidados assistiram ao espetáculo na Catedral da cidade em homenagem ao festival católico Corpus Christi – onde a visão de Chiuri para o Dior Cruise 2023 resultou no tema “fiesta”. Bom… Para ela, não há nada que mais represente a imagem de uma cidade unida em festa; ou seja, as ruas com flores aromáticas, bares e restaurantes com pessoas de todas as idades e muita música animada.

Então, encenado na histórica Plaza de España (uma obra-prima do renascimento construída no ano de 1929 para a Exposição Ibero-Americana)… O espetáculo à noite abriu com uma performance de flamenco com coreografia de Bianca Li (natural de Granada) e trilha sonora de San Sebastian.

A presença do flamenco na coleção

Pois é! A diretora da marca, Maria Grazia Chiuri, se inspirou pra valer nas roupas das espanholas. É por isso que a coleção traz muita referência ao guarda-roupa das típicas competidoras de adestramento com o poder de uma dançarina de flamenco. 💃

Aliás… A pioneira do flamenco nascida no ano de 1926 (Carmen Amaya) faz parte do moodboard ao se apresentar com roupas masculinas. Por exemplo: calça de cintura alta slim, bolero, jaqueta recortada, botas de montaria e um chicote como acessório. Tudo isso, claro, sendo inspirado na sensualidade do flamenco a partir dos tons de preto e dourado.

Ah! E rolaram também uns vestidos reluzentes, alguns bordados, suspensórios e leques inseridos de maneira estratégica em cintos de renda e saias de organza.

Anúncios
Os chapéus são os acessórios mais marcantes da #DiorCruise2023

Além dos chapéus, a coleção de acessórios da Dior Cruise 2023 contou também com luvas de couro, botas de montaria, sapatilhas Mary Jane e as miniaturadas da bolsas Lady Dior. Sim, mas voltando ao foco do acessório que mais marcou o Cruise 23 da Dior… Dois chapéus icônicos inspirados no uniforme de cavalaria ganharam ainda mais destaque porque são feitos de tecidos artesanais como o feltro e a palha.

Segundo a VOGUE, os estilos são desenhados por Stephen Jones – um colaborador de longa data que se inspirou na imagem de Jackie Kennedy andando à cavalo com um bolero vermelho no ano de 1966. Sendo assim, eles foram produzidos pelo fabricante Fernández y Roche. “No que diz respeito ao feltro, eles são um dos melhores fabricantes de chapéus da Europa”, diz Chiuri.

Veja como o artesanato espanhol fez parte do desfile

Para construir um diálogo entre os países, a diretora criativa da marca fez um convite aos melhores artesãos locais – que logo colaborariam com a produção das peças. Por isso, a icônica bolsa Saddle sofreu alterações com técnicas de bordado de couro do artista Javier Menacho Guisado.

Anúncios

A VOGUE afirma que os xales de Manila (vestimentas emblemáticas usadas pelas espanholas com uma super história de design enraizada nas Filipinas, China e América do Sul) são confeccionados no Ateliê María José Sánchez Espinar. Aliás… A Bolsa Lady Dior e a Bar Jacket também são bordadas, mas com os bordados de ouro do Ateliê Jésus Rosado (que é uma oficina que só trabalha com fios de ouro e prata, predominantemente em tecidos que adornam as senhoras em procissões religiosas).

“Mas, você não pode encontrá-lo em nenhum outro lugar!” – explica Chiuri. “Por isso, eu quero continuar a trabalhar com o ateliê para as nossas coleções de alta-costura.”

Por fim, para pegar uma carona na temporada de desfiles que começaram no dia 15 de janeiro, eu separei para você a diferença entre as semanas de moda. Acompanhe:

Antes de mais nada… Na maioria das capitais de moda do mundo, centenas de coleções e tendências são apresentadas para sugerir a forma como devemos olhar para a moda nos próximos meses.

Por isso, dentro do calendário dos desfiles estão inúmeras propostas – por exemplo, a Alta Costura, o Prêt-à-Porter e o Resort. Além, claro, das coleções masculinas e pré-temporadas, como a Pre-Fall.

Tudo bem, eu sei que parece um pouco confuso de entender a diferença entre as semanas de moda… Mas, não é nenhum bicho de 7 cabeças. Juro! Sendo assim, para quem trabalha com a indústria da moda ou simplesmente adora ficar por dentro das news… É primordial compreender o que cada semana de moda tem para oferecer. Então, vem comigo:

Deixe uma resposta

POSTS RELACIONADOS