Relacionamento tóxico no BBB23: psicólogo explica os motivos do envolvimento entre Bruna e Gabriel não ser saudável

O psicólogo Alexander Bez analisou os participantes do BBB23, em especial, o nítido relacionamento tóxico entre Bruna Griphao e Gabriel. Aliás, Tadeu Schmidt precisou até alertá-los antes do início do primeiro Paredão que aconteceu na noite de ontem (22 de janeiro).

“Vocês estão percebendo que tem alguma coisa errada? Eu estou aqui para fazer um alerta antes que seja tarde. Quem está envolvido em um relacionamento talvez nem perceba, ache que é normalMas quem está de fora consegue enxergar quando os limites estão prestes a ser gravemente ultrapassados”, disse o apresentador que relembrou uma frase de Gabriel para Bruna após a sister dizer que era o homem da relação: “Já já você vai tomar umas cotoveladas na boca”.

Em seguida, reproduziu frases de outros brothers sobre o relacionamento de Gabriel e Bruna. E por fim, o recado foi direto para o participante da casa de vidro: “Gabriel, em uma relação afetiva, algumas coisas não podem ser ditas nem de brincadeira”.

Sendo assim, várias características já estavam sendo levadas em consideração pelo público e pelos participantes. Por exemplo: as críticas, comparações, forçá-la a admitir algo, ameaçá-la de agressão, tom de voz e grosseria física.

Anúncios

Segundo as análises feitas pelo psicólogo Alexander Bez, o envolvimento se enquadra como um relacionamento abusivo. “Nunca vimos o programa ou a direção se posicionar ao vivo sobre esse relacionamento regado de episódios de discussões e ameaças de agressão física. Há uma dissociação entre os dois remetendo-os a um limbo. Relações tóxicas são aquelas que afastam a mulher da felicidade e isso vemos em Bruna.”

Para ele, as relações conflituosas podem ocasionar uma situação tóxica temporária, mas não necessariamente estabelecer uma relação tóxica efetiva. É necessária a correção das causas, após o isolamento das mesmas. Afinal, as relações tóxicas se classificam como uma “extensa sensação de tortura mental ou psicológica”.

Vale lembrar que, recentemente, Bruna Briphao deixou seus fãs preocupados após alegar que não estava se sentindo como ela é na “vida real”. Enquanto isso, Gabriel já chegou a empurrá-la, fazer brincadeiras com a aparência da atriz e muito mais.

“Nessa relação do casal vemos o ingrediente da passividade e do distanciamento entre as esferas emocionais de ambos. Vale lembrar que Bruna e Grabriel podem partir para um relacionamento também abusivo, caracterizada pelo sofrimento, angústia, medo e desespero. E se o relacionamento for marcado pelo controle, a situação se agrava ainda mais”, completou o psicólogo.

Pai de Bruna Griphao se revolta e xinga Gabriel

Ainda no último domingo, Kakau Orphao (pai de Bruna) se revoltou com as atitudes de Gabriel e saiu em defesa da filha reclamando do comportamento do modelo. “Esse programa é sobre quem é de verdade! Bem sobre isso. Abusivo fod*!”

1 Comment

Deixe uma resposta